Midias Sociais 



05 de Outubro de 2017

Semana do Ovo destaca consumo na infância

 


Avimig recomenda ações para consolidar presença da proteína


O Dia das Crianças, celebrado no Brasil em 12 de outubro, é uma das referências mais importantes da agenda da Semana do Ovo 2017, que será realizada em todo o país neste mês, entre os dias 9 e 13. À frente da iniciativa está o Instituto Ovos Brasil, que conta com a participação das entidades estaduais do associativismo avícola como a Associação dos Avicultores de Minas Gerais (Avimig) e seus parceiros, Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado de Minas Gerais (Sinpamig) e Fundo Privado de Emergência Sanitária para a Avicultura de Minas Gerais (Funamig).


Segundo a diretora-executiva da (Avimig) médica veterinária Marília Martha Ferreira, uma das recomendações da entidade às empresas do setor é para desenvolverem ou estimularem ações que enfatizem a importância da presença do ovo na alimentação das crianças.


"Esse trabalho para consolidação do consumo será facilitado pela tendência natural dos meninos e meninas, desde pequenos, consumirem ovo, produto que somente não se iguala como alimento ao leite materno", explica Marília Martha. "O principal fator é que também ele é muito saboroso e agrada às crianças. Além disso, para a tranquilidade das mães, o ovo é um alimento versátil, que pode enriquecer inúmeras receitas a gosto dos pequenos consumidores."


Especialmente para o organismo dos meninos e meninas cujas mães consumiram ovos no período de gravidez, a composição proteica é uma velha conhecida. Enquanto na condição de feto, o novo ser recebe a maior parte dos nutrientes pelo cordão umbilical - e neste caso, quanto maior a ingestão de ovos no período, mais beneficiado será o bebê. Os benefícios serão mantidos com a manutenção da oferta de ovo e alimentos em geral que sejam ricos em proteínas e vitaminas.


De acordo com dados do Instituto Ovos Brasil, cada ovo fornece, em média, 6 gramas de proteína completa, de alto valor biológico. O produto garante aminoácidos essenciais para o organismo. Entre outros benefícios, o ovo é rico em vitaminas e em minerais como ferro, fósforo, zinco e selênio, entre outros. Portanto, quem consome a proteína desde cedo terá artérias saudáveis e boa saúde em geral.


Marília Martha explica que a comunicação sobre a importância do ovo nas comunidades, no capítulo referente às crianças, deve incluir o efeito do consumo da proteína para o desenvolvimento cognitivo - facilidade de aprendizagem - bem como para garantir maior disposição para a prática de exercícios físicos, entre outros aspectos.

 

Fonte: Avimig

Voltar